Hematoma subcoriônico

Sem dúvidas, um dos posts mais procurados aqui no Me Sinto Grávida é o que a Camilla Wolf conta sobre o hematoma subcoriônico que teve durante a gestação do Benjamin. Por isso, resolvi dar mais alguns detalhes sobre esta intercorrência que, segundo o Medscape Education, atinge 25% das mulheres durante a primeira metade da gravidez.

O que é: também chamado de sangramento subcoriônico, o hematoma subcoriônico é a acumulação de sangue dentro das dobras do córion (membrana fetal exterior, ao lado da placenta), ou dentro das camadas da própria placenta. Se ficaren muito grandes ou se não forem absorvidos, estas hemorragias ou coágulos podem causar o descolamento da placenta na parede uterina.

hematoma-subcorionico

Quem corre mais risco? Aparentemente, não há fatores de risco específicos para o desenvolvimento de um hematoma subcoriônico. Mas os cuidados após a detecção devem ser seguidos para que ao final você tenha um resultado positivo.

Quais são os sintomas? Sangramento pode ser um sinal, geralmente começando no primeiro trimestre. Entretanto, em muitos casos, o hematoma só é detectado durante a ultrassonografia de rotina, sem que haja sinais ou sintomas perceptíveis. Por isso, a ultrassonografia de primeiro trimestre é importante, tendo como um dos seus objetivos detectar a existência de hematomas subcoriônicos.

Preciso me preocupar? Você não seria normal se não se preocupasse ao ver sangue, independente do estágio da sua gravidez. Entre em contato com seu médico, só ele poderá dizer se há algo muito errado ou não. A maioria dos hematomas subcoriônicos se dissolvem sozinhos, mas é possível que o coágulo entre a placenta e a parede uterina resulte em aborto.

Boa notícia: Mais da metade das mulheres que sangram durante o primeiro trimestre levam a gestação adiante perfeitamente saudáveis. A Camilla Wolf mesmo é um exemplo. Benjamin nasceu no último dia 18 de outubro, super saudável e a cara da mãe. Ou seja, prova viva e concreta que vocês, se estiverem passando por isso, não precisam se desesperar.

Logo após o parto do Benjamin. Família linda!

Logo após o parto do Benjamin. Família linda!

O que você deve fazer: Ligue para o médico se houver sangramento, com a ultrassonografia é possível detectar se há realmente um hematoma subcoriônico. Se a resposta for sim, também será possível identificar onde está localizado e qual o seu tamanho. Dependendo dos resultados, bem como sobre as preferências do seu médico, ele poderá recomendar em repouso absoluto. Não podendo levantar objetos pesados e evitar exercícios físicos. Também pode ser solicitado o jejum sexual, até que o hematoma se dissolva desaparecendo por completo.

*Com informações do Medscape e Whattoexpect

This work, unless otherwise expressly stated, is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Brazil License.

20 comments

  1. bruna says:

    Obrigada pelo post! Mães de primeira viagem como eu ficam mesmo muuuito preocupadas! Estou de 7 semanas e espero que tudo corra bem como na gravidez da Camila!

    bjos!

    • Jéssica Macêdo says:

      Bruna, cuida bem direitinho que tem tudo para ocorrer bem e depois venha aqui nos contar. Saúde e uma ótima gestação para você. Beijos

      • bruna says:

        Oi Jéssica, obrigada! Estou fazendo repouso e com licença saúde do trabalho! Se Deus quiser vai dar tudo certo!!!

        beijoss!

  2. Danielle says:

    Estou passando por isso. A medica descobriu que tenho um hematoma retroamniotico de 1,9×1,1 cm e me mandou ficar de repouso por 15 dias. Estou com 17 semanas de gestacao. Esse hematoma é a mesma coisa que o subcoriônico? Ja estou de molho há uma semana e muito confiante que tudo ficará bem,.

    • Jéssica Macêdo says:

      Danielle, busquei em alguns sites médicos americanos informações sobre este tipo de hematoma. De certa forma, ele é a mesma coisa do hematoma subcoriônico, o que difere é a sua localização.

      O hematoma é coágulo de sangue. No caso do subcoriônico está localizado na membrana fetal exterior, ao lado da placenta. No caso do seu, retroamniótico, ele pode estar localizado no cordão umbilical ou dentro do saco gestacional. Siga as recomendações da sua médica e tudo ficará bem sim. Depois nos conte aqui ;) Beijos

  3. Danielle says:

    Olá! Voltei pra dar um boa notícia. O hematoma sumiu com 10 dias de repouso e medicação na hora certa. Graças a Deus estou voltando à rotina normal. O importante é seguir a orientação médica e ter fé, que tudo dará certo. Para a minha alegria,já começo a sentir o meu filho mexer. Bjs e boa sorte p todas que estão passando por isso.

    • Jéssica Macêdo says:

      Que excelente notícia, Danielle!!! Parabéns por estar gerando uma vida e por saber cuidar desde já tão bem dela. Obrigada por nos contar. Já sabe se é menino ou menina? Depois conta mais aqui pra gente. Beijão

  4. fantasmik123 says:

    oi meu nome é simone e estou com 10 semanas e estou com um hematoma subcorionico tb…mais estou preocupada pois minha medica me pediu repouso e remedio durante 15 dias tive bastante sangramento no primeiro dia e depois nao mais…gostaria de sabe se a medica de vcs pediu repouso absoluto pra vcs .pq pra mim ela disse q podia andar pouco fazer atividades q nao fossem se esforçar…nao fazer esforço durante esses dias nao ter relaçao e neim dirigir…mais frizou bem nao é uma doença nao precisa ficar q neim doente e nao fazer nada…fiquei sem saber…=(

    • Jéssica Macêdo says:

      Simone, o sangramento é normal. O hematoma é causado por sangramento e é natural que o sangue saia em algum momento. O ideal é seguir a recomendação da sua médica, ela conhece seu estado clínico melhor do que ninguém. Eu preferiria não arriscar e ficar em repouso absoluto, me movimentando apenas para o necessário. A gente nunca tem certeza de qual movimento vai contrair o útero ou a musculatura do baixo ventre… Enfim. Beijos

  5. fantasmik123 says:

    obrigado pela atençao…tenho consulta com ela novamente essa semana e vou perguntar denovo sobre o repouso..rsrsr bjos obrigada!!

    • Jéssica Macêdo says:

      Imagina, não há de quê. Quando ela te falar, nos avisa aqui para ajudar outras mães também. Saúde!!! Beijos =***

  6. solange queiroz says:

    Olá meu nome é Solange e durante esta semana tive uma maratona intensa no hospital desde quarta a noite comecei a sangrar muito e nos dois primeiros ultra do dia 10 e 12 não vimos o embrião mas sabado dia 15 ja deu para ver o embrião com seis semanas mas não deu para ouvir os batimentos cardiacos, meu utero encontra-se fechado e não há sinal de descolamento de placenta mas o sangramento foi tão intenso que saia até pedaços de sangue, isto pode impedir a formação do meu bebê?

    • Jéssica Macêdo says:

      Solange, só mesmo o médico poderá fazer uma avaliação exata da situação do seu bebê. Se o hematoma for externo, na parte da membrana que envolve o útero, é muito normal que o sangue desça, porque o hematoma é justamente a acumulação de sangue. Se este sangue sair, ótimo! Faça o repouso e siga as orientações do seu médico. Dificilmente o hematoma subcoriônico tem relação com a formação ou má formação do bebê. Se estiver com muita dúvida, procure um outro médico para diagnósticos diferente. Estarei aqui torcendo por vocês. Beijos

  7. Guest says:

    estou com 10 semanas e apareceu na segunda eco hematoma na parte inferior do saco gestacional , estou fazendo repouso a 7 dias, volto a trabalhar sem fazer a próxima eco que está marcado para dia 10 de marcço, meu médico disse que ele tende a sumir de 7 a 10 dias e não me receitou nenhum medicamento

    • Jéssica Macêdo says:

      Isso mesmo. Normalmente não se faz uso de medicamento em situações como a sua, o repouso normalmente resolve. Mas seria interessante que você só retornasse ao trabalho após a ecografia. Tente negociar com sua chefia, caso seu atestado já tenha expirado. Beijos

  8. Raissa Macedo Lacerda Osorio says:

    Descobri que estava grávida com cinco semanas de gestação. Na oitava semana, fui fazer a US transvaginal e apareceu esse hematoma subcoriônico…. O médico que fez o ultra disse que era normal, mas me deixou com bastante medo pois falou do risco de aborto. Sai de lá desesperada e procurei imediatamente a minha médica, que me passou repouso de quinze dias e um hormônio (progesterona) duas vezes por dia, para evitar o possível aborto. Passados os quinze dias, fiz outra US, onde apareceu o hematoma ainda maior… Fiquei mais do que desesperada, mas a conduta adotada pela médica foi a mesma: repouso e progesterona. Depois de mais quinze dias, outra US e o hematoma finalmente havia desaparecido. Não tive sangramento em nenhum momento; a médica disse que o corpo absorveu o sangue e que dessa forma estava tudo certo.
    Mas ô coisinha que assusta a gente, viu? Outra coisa é a falta de informação… Na época, não encontrava informações na internet sobre o que foi diagnosticado pelo US; só me deparei com esse post hoje, com 25 semanas de gestação (detalhe: no meu US, apareceu ‘coleção retrocoriônica’).

    Boa gravidez para todas :)

    • Jéssica Macêdo says:

      Realmente é muito difícil passar por este tipo de situação sem ter informação. Relatos como o seu me fizeram escrever este post, e muitas das informações tive que buscar fora da nossa caixinha, ou seja, em sociedades americanas de medicina e afins. Ainda bem que deu tudo certo com você. A maioria se sai bem dessa intercorrência. Vamos torcer pelas outras mamães também. Obrigada por compartilhar conosco sua história. Grande beijo.

  9. marcelo p says:

    Minha esposa está na quinta semana e foi detectado um pequeno hematoma subcrônico no primeiro exame, porém ela não possui sangramentos. O fato de não possuir sangramentos é fator de melhoramento?

    • Jéssica Macêdo says:

      O sangramento pode ocorrer ou não e a melhora ser efetiva. Em alguns casos, o próprio organismo absorve o hematoma, em outros ele elimina. A melhor coisa a se fazer é acompanhar e manter repouso. Boa gestação para vocês, Marcelo.

Responder