Toda tentante já se sente grávida

Oi! Eu sou a Tati e vou escrever para vocês sobre as dores e delícias de ser uma tentante. Antes de qualquer coisa vou explicar que se auto denominam tentantes as mulheres que estão tentando engravidar.

A vontade de ser mãe existe na minha vida desde que me entendo por gente, mas me recordo do reloginho biológico tocar lá pelos 20 ou 22 anos. Entre romances legais e outros nem tanto, fui adiando o sonho da maternidade. Aos 38 eu me casei com um cara maravilhoso e comecei as tentativas. No meio do caminho descobri uma endometriose profunda e outras dificuldades para engravidar (alguns dos assuntos que vamos conversar por aqui). Hoje sigo na luta pelo meu filho (ou filha). E quando digo luta eu falo sério… Vida de tentante é luta atrás de luta.

Quero trazer para o blog um pouco de tudo que nós tentantes passamos, as questões de saúde, as cobranças sociais, mas também as expectativas, as conquistas e o que podemos fazer para alcançar nosso sonho.